Se você teve seu nome negativado indevidamente no SPC e SERASA, saiba que, isso gera indenização por danos morais!!!

Se você teve seu nome negativado indevidamente no SPC e SERASA, saiba que, isso gera indenização por danos morais!!!

Se você teve seu nome negativado indevidamente no SPC e SERASA, saiba que, isso gera indenização por danos morais!!!

Não é tão raro ver alguém com o nome negativado ou “sujo na praça” como é comum se ouvir por aí. O fato é que em um país onde frequentemente ocorrem problemas financeiros, as pessoas às vezes se endividam por necessidade e às vezes por descuido.

O que a maioria dos brasileiros não sabe é que seus nomes podem ser negativados sem motivo, mas por falta de informação e necessidade de usar o crédito todo mês, acabam pagando dívidas desnecessárias para evitar “nomes sujos”.

É importante dizer que o constrangimento de ser incluído no famoso Serasa (ou órgãos restritivos de crédito) de maneira indevida pode gerar um sentimento de angústia no consumidor, por ser comparado com um mau pagador, mesmo sendo correto com suas contas.

“Ainda que o consumidor esteja com o nome negativado por ter uma dívida, ele tem o direito de NÃO ser exposto ou sofrer qualquer tipo de constrangimento durante as cobranças.”

Essa dor de cabeça gerada pela inclusão indevida no cadastro de maus pagadores pode caracterizar verdadeiro dano moral, que pode ser indenizado se o consumidor que se sentir lesado ingressar com uma ação judicial.

O dano moral se caracteriza pelo dano psíquico, intelectual, que ofende a honra, a intimidade, correspondendo por ser lesões ao ser humano que não são físicas, mas sim emocionais.

A Justiça já julgou diversos casos, onde além de mandar e empresa que causou essa grande dor de cabeça indenizar quem sofreu o dano moral, determinou a retirada do nome do consumidor do Serasa e ainda cancelar a dívida.

Assim sendo, quando se encontrar em uma situação semelhante, procure uma resolução jurídica, mesmo que seja para ter alguma instrução de como agir ou proceder nesta situação.